Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/83049
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorSampaio, J.
dc.creatorCampos, M.A.
dc.creatorAfonso, Cláudia
dc.date.accessioned2019-02-07T11:36:27Z-
dc.date.available2019-02-07T11:36:27Z-
dc.date.issued2015
dc.identifier.issn2183-5985
dc.identifier.othersigarra:121328
dc.identifier.urihttps://repositorio-aberto.up.pt/handle/10216/83049-
dc.descriptionUma das definições mais recentes da paralisia cerebral descreve-a como um grupo de alterações permanentes, mas não inalteráveis,do movimento e da postura, que causa limitações na atividade, as quais são atribuídas a lesões não progressivas queocorrem no cérebro imaturo e em desenvolvimento.Nesta população são comuns as dificuldades alimentares. Estas podem resultar de uma deficiência oro-motora (dificuldadesde mastigação e/ou deglutição), disfagia e deficiência sensorial, com ou sem distúrbios comportamentais. A estas dificuldadesalimentares podem, ainda, estar associados problemas de saúde como aspiração de alimentos e infeções pulmonares, refluxogastroesofágico e obstipação. A baixa ingestão hídrica, ou até mesmo desidratação, o aumento do tempo despendido paraefetuar uma refeição e a ingestão insuficiente (que pode levar a baixo peso) são outras das consequências destes problemasna alimentação. Por outro lado, existem situações em que é comum observar-se excesso ponderal por diversas razões (porexemplo, sedentarismo).A intervenção a nível alimentar/nutricional é, por isso, fundamental para a melhoria da qualidade de vida do indivíduo. É, ainda,imprescindível que os cuidadores disponham de toda a informação e motivação para lidar com as suas especificidades, de formaa que as refeições sejam o mais agradáveis e seguras possível. Nesta população, a alimentação pode ser o nosso maior aliado
dc.description.abstractOne of the most recent definitions of cerebral palsy describes it as a group of permanent changes, but not unchangeable, of themovement and posture, causing limitations in activity, that are attributed to non-progressive damage occurring in the immaturebrain and under development.In this population feeding difficulties are common. These can result from oral-motor disability (chewing and/or swallowing difficulties),dysphagia and sensory impairment, with or without behavioral disorders. These feeding difficulties may also be associatedwith common health problems, such as aspiration and lung infections, gastroesophageal reflux and constipation. Low water intake,or even dehydration, the increase in the time to take a meal and insufficient intake (which can lead to low weight) are otherconsequences of feeding problems. On other hand, there are situations where it is common overweight for various reasons (forexample, sedentary lifestyle).Dietary/nutritional intervention is essential to improve the individuals quality of life. It is also primordial that caregivers are providedwith all the information and motivation to address their specificities, so that the meals are as pleasant and safe as possible. In thispopulation, food can be our greatest ally.
dc.language.isopor
dc.rightsopenAccess
dc.rights.urihttps://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/
dc.subjectCiências da Saúde, Ciências médicas e da saúde
dc.subjectHealth sciences, Medical and Health sciences
dc.titleA importância da alimentação em paralisia cerebral
dc.typeArtigo em Revista Científica Nacional
dc.contributor.uportoFaculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação
dc.subject.fosCiências médicas e da saúde
dc.subject.fosMedical and Health sciences
Appears in Collections:FCNAUP - Artigo em Revista Científica Nacional

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
121328.pdf132.44 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons