Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/78741
Author(s): Carvalho, Joana
Zamith, Fernando
Title: A interatividade nos sites noticiosos e a contribuição do utilizador: estudo de caso, limites e desafios
Issue Date: 2015
Abstract: The comment online has become a global dialogue, a conversation space macro thatlacks constructive discussions. In a deregulated environment, is urgently consideringmeasures governing the digital ecosystem - it's all and for all - in order to promote aculture of responsibility and values to democratic societies. Understand the added valueof a user-generated content at the end of each news, and the degree of importance givenby the average value that would lead to the "deposite" of existing comments at the endof each story - where the user interacts/reacts to a subject that it will be your interest -to become a best cyberspace brainstorming/arguments.The comments approximate the user to media, but the management/moderation ofcomments by online newspapers aren't adapted to the "democracy of the keyboard."The control of this problem or at least to attempt the control requires supervision.In this research, we seek to uncover the limits and the challenges of the user-generatedcontent in online newspapers. Is the user an asset? Is it or not a valued at media? Is thedegree of interactivity/responsiveness higher to among users? Or to users andjournalists? It's important to realize who tells the news, how you do and the meaning ofwhat you do, and also the language that you use.During the investigation were analyzed this four months - January, February, March and April - in 2014, 2055 comments from users of two Portuguese online newspapers - Jornal de Notícias and Público - that belong to the editors of Sport and Politics. The body of investigation was delimited to ten days of each month. Beyond the main results, the conclusion can be that the interaction between user and journalist is weak; also an unequal participation in this online newspapers, which can be associated in the moderation systems; a high percentage of reaction and comments off-topics; and, finally, comments that pay attention to the online newspapers. The uniqual of political control remains to the one of serious problems in interactivity as it promised, without investment by the media to the management of the range comments. It's urgent thinking about these issues, since nobody wants to be titled like an offline person.
Description: Comentar online tornou-se num diálogo global, num macro espaço de conversação que carece de discussões construtivas. Num meio desregulado, é urgente pensar em medidas que regulem o ecossistema digital - que é de todos e para todos - de modo a promover uma cultura de responsabilidade, bem como valores intrínsecos às sociedades democráticas. Compreender o valor acrescentado de um comentário online no final de cada notícia e o grau de importância dada pelos media levaria a que o "repositório" decomentários existentes no final de cada notícia - onde o utilizador-comentador interage/reage a um assunto que lhe desperte interesse - se tornasse num melhor ciberespaço de debate de ideias/argumentos.Comentar aproxima o utilizador do médium, porém a gestão/moderação de comentários nos sites noticiosos ainda não se adaptou à «democracia do teclado». O controlo desta problemática, ou pelo menos, a tentativa de controlo, carece de vigilância. Nesta investigação, procuramos descortinar os limites e desafios da contribuição do utilizador nos sites noticiosos. O utilizador-comentador é uma mais-valia? É (des)valorizado pelo medium? O grau de interatividade/reatividade é mais elevado entre utilizadores, do que entre utilizador e jornalista? Também é importante perceber quem comenta o enfoque noticioso, de que forma o faz, porque o faz, bem como a linguagem utilizada. Durante esta investigação foram analisados, ao longo de quatro meses - janeiro, fevereiro, março e abril - do presente ano, 2055 comentários de utilizadores de dois sites noticiosos portugueses - Jornal de Notícias e Público - pertencentes às editorias de Desporto e Política. De salientar que o corpus de investigação foi delimitado a dez dias de cada mês, de forma intercalar. Entre os principais resultados, podemos destacar:fraca interação entre utilizador e jornalista; desigualdade de participação nos sites noticiosos, que poderá estar relacionada com os sistemas de moderação implementados; elevada reação e percentagem de comentários fora da temática em causa; e, por fim, comentários com chamadas de atenção para a notícia (sugestões de correção e alertas para comentários impróprios). A não homogeneização das políticas de controlo continua a ser um dos graves problemas da tão prometida interatividade, não havendo investimento por parte dos órgãos de comunicação social para a gestão da panóplia de comentários. Urge pensar nestas questões, uma vez que ninguém quer se conotado de infoexcluído.
Subject: Humanidades
Humanities
Scientific areas: Humanidades
Humanities
URI: https://repositorio-aberto.up.pt/handle/10216/78741
Source: Livro de atas IV Congresso Internacional de Ciberjornalismo Março 2015 = Proceedings IV International Conference on Online Journalism March 2015
Document Type: Artigo em Livro de Atas de Conferência Internacional
Rights: openAccess
License: https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/
Appears in Collections:FLUP - Artigo em Livro de Atas de Conferência Internacional

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
101236.pdf537.11 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons