Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10216/54725
Author(s): Oliveira, Mariana Fernandes
Title: Avaliação do risco cardiovascular em indivíduos obesos : trabalho de investigação : cardiovascular risk assessment in obese patients
Publisher: Porto : edição de autor
Issue Date: 2008
Abstract: Resumo da tese: Introdução: A obesidade é a doença mais prevalente do mundo ocidental. Esta patologia aumenta a probabilidade de morte prematura e está associada a diversas co-morbilidades, nomeadamente às doenças cardiovasculares (DCV), a principal causa de morte em Portugal. A probabilidade de desenvolver doença coronária em 10 anos pode ser estimada através da aplicação do Score de Framingham - um algoritmo desenvolvido e validado pelo estudo Framingham. As variáveis usadas para estimar o risco são a idade, o sexo, a tensão arterial, colesterol LDL, colesterol HDL, hábitos tabágicos e diabetes mellitus tipo 2 (DM tipo 2), facilmente aplicáveis na prática clínica. Objectivos: Avaliar o risco de desenvolver doença coronária em 10 anos em doentes obesos, mediante a aplicação do Score de Framingham. Relacionar este risco com outros parâmetros bioquímicos e antropométricos avaliados. Métodos: A amostra foi constituída por 65 indivíduos, 54 do sexo feminino e 11 do sexo masculino, com idades compreendidas entre os 30 e os 71 anos, e com um índice de massa corporal (IMC) superior a 30kg/m2. Procedeu-se às seguintes avaliações: antropométrica, bioquímica e da tensão arterial. Resultados: A amostra estudada apresentou um IMC médio±desvio padrão de 39,6±5,3 kg/m2. Cerca de 66,2% dos indivíduos tinham hipertensão arterial (HTA), 46,2% dislipidemia, 23,1% DM tipo2 e 10,8% tinham hábitos tabágicos. A totalidade da amostra apresentou um perímetro da cinta (PC) superior a 88cm e a 102 cm, no sexo feminino e masculino, respectivamente. De acordo com o Score de Framingham, a amostra apresentou cerca de 9% de risco de desenvolver doença coronária em 10 anos, sendo este significativamente superior no sexo masculino (14,3±9,5%) relativamente ao sexo feminino (7,9±6,9%). (...)
Thesis abstract: Introduction: Obesity is the most prevalent disease in the western world. This condition increases the probability of early death and is associated with several comorbidities, like cardiovascular diseases, the main cause of death in Portugal. The probability of a given patient to develop coronary heart disease in the next 10 years can be estimated by using Framingham Score - an algorithm developed and validated by Framingham. Factors used to estimate risk include age, gender, blood pressure, LDL cholesterol, HDL cholesterol, cigarette smoking and diabetes, which make it easy to apply in clinical practice. Aims: To evaluate the risk of developing coronary heart disease within 10 years in obese patients using the Framingham Score. To relate this one with biochemical and anthropometric parameters. Method: The sample had 65 individuals, 54 females and 11 males, between 30 to 71 years old and with a body-mass index (BMI) higher than 30 Kg/m2. Anthropometric, biochemical and blood pressure measurements were done. Results: The sample had a mean BMI of 39,6±5,3 Kg/m2. About 66,2% of the individuals had hypertension, 46,2 % dyslipidemia, 23,1% diabetes and 10,8% were cigarette smokers. All patients had waist circumference higher than 88 cm and 102 cm respectively in female and male subjects. According to Framingham Score, a 9% risk of developing coronary disease within 10 years was found in our sample. The risk was found to be significant higher in male than in female individuals (14,3±9,5% vs 7,9±6,9%). A positive and statistically significant correlation was found between the risk of developing coronary disease and systolic blood pressure (R=0,473; p<0,01), diastolic blood pressure (R=0,318; p<0,05), age (R=0,674; p<0,01), hemoglobin A1C ( =0,359; p<0,01) and uric acid (R=0,326; p<0,01). There was a negative correlation with the HDL cholesterol level (R=0,398; p<0,01). (...)
Description: Contém um relatório de estágio curricular realizado no Serviço de Endocrinologia, Diabetes e Nutrição do Hospital Infante D.Pedro, EPE, e no Serviço de Alimentação da Universidade e Aveiro, no âmbito da licenciatura em Ciências da Nutrição pela Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto. O exemplar do relatório de estágio existe apenas em formato papel e está disponível para consulta na Biblioteca da FCNAUP
Tese de licenciatura em Ciências da Nutrição apresentada à Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto
Subject: Universidade do Porto, Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação, Licenciatura em Ciências da Nutrição--Dissertações
Ciências da Nutrição--Tese de licenciatura
Áreas de estágio--Nutrição Clínica--Nutrição Comunitária (Saúde Pública)--Restauração e Alimentação Colectiva--Relatório de estágio
Obesidade
Doenças Cardiovasculares
URI: http://hdl.handle.net/10216/54725
Catalogue Link: http://catalogo.up.pt/F?func=find-b&find_code=SYS&request=000121316
Document Type: Trabalho Académico
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCNAUP - Trabalho Académico

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
121316_0840TCD40.pdf346.46 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.