Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/123887
Author(s): Daniela Filipa Santos Almeida
Title: A violência sexual através de vozes de mulheres sobreviventes de violência doméstica: uma experiência de estágio curricular numa casa de abrigo
Issue Date: 2019-11-12
Description: Não obstante todos os passos dados em direção à igualdade de género, algunsvalores patriarcais, machistas, sexistas e misóginos ainda perduram nos mais variadoscontextos sociais, jurídicos e políticos, contribuindo para uma contínua legitimação enaturalização de vários tipos de violência contra as mulheres. A violência sexual é umaviolência de género, atualmente reconhecida como uma grave violação dos direitoshumanos, nomeadamente, da liberdade e autodeterminação sexual. Sendo um fenómenoque afeta, na sua grande maioria, o sexo feminino, cada vez se torna mais prementeidentificar e desconstruir os mecanismos da sua ocultação e, acima de tudo, delegitimação, uma vez que o seu reconhecimento social parece ainda não ser suficientepara a sua prevenção e, idealmente, erradicação. Abordar a ocorrência deste fenómeno noseio de relações de intimidade e, consequentemente, no espaço privado, revela-se umdesafio, pois vários são os mitos e construções sociais a si associados que contribuempara a sua invisibilidade e silenciamento. Se, hoje em dia, se assume a violênciafísica/psicológica como formas de violência doméstica, o mesmo ainda não se verificacom a violência sexual.Através de uma experiência de estágio numa Casa de Abrigo para mulheresvítimas/sobreviventes de violência doméstica, procurou-se, com base numa abordagemmais próxima e direta com as vítimas, permitir, dar tempo e espaço a mulheres paracontarem os seus percursos de vida, numa perspetiva holística, que não pretendeu colocaro foco apenas na violência sofrida, mas assumindo a violência sexual o aspeto que seesperou aprofundar. Tal abordagem foi realizada através da construção de suas narrativasbiográficas, de forma a explorar as vivências individuais e a interpretação de taisexperiências, juntamente com a compreensão das perceções e significações que asmulheres vítimas/sobreviventes de violência doméstica atribuem e associam à violênciasexual. É na desocultação dos seus discursos e na escuta das suas vozes e experiênciasque se abre uma oportunidade para compreender como diversas construções socias eestereótipos influenciam a forma de encararem e viverem as suas relações amorosas esuas dinâmicas abusivas, assim como exercitam resistência(s) ou podem contribuir paradelinear estratégias de combate e de transformação social nesta problemática.
Subject: Ciências da educação
Educational sciences
Scientific areas: Ciências sociais::Ciências da educação
Social sciences::Educational sciences
TID identifier: 202309983
URI: https://hdl.handle.net/10216/123887
Document Type: Dissertação
Rights: openAccess
Appears in Collections:FPCEUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
365432.pdfA violência sexual através de vozes de mulheres sobreviventes de violência doméstica: uma experiência de estágio curricular numa casa de abrigo786.85 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.