Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/108376
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorMaria Francisca Chaves Fernandes Neto Barroso
dc.date.accessioned2019-06-28T07:15:45Z-
dc.date.available2019-06-28T07:15:45Z-
dc.date.issued2017-11-14
dc.date.submitted2017-11-16
dc.identifier.othersigarra:226065
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10216/108376-
dc.descriptionO presente estudo pretende analisar a perceção da criança acerca do respeito pelosseus Direitos em acolhimento residencial (AR). Criaram-se medidas de avaliação dosDireitos à Participação, Apoio à Escolaridade e Autonomia Económica a partir de uminstrumento que avalia a qualidade do AR. Participaram 452 crianças/jovens, com idadescompreendidas entre os 6 e 25 anos, distribuídas por 42 casas de acolhimento (CA) de todoo país. Os resultados demonstraram que as crianças se sentem maioritariamente respeitadasnestes contextos, realizando também avaliações positivas da qualidade. Relativamente aoDireito à Participação, verificou-se que ser do sexo feminino, ter mais idade e um menortempo de permanência em acolhimentos anteriores, se traduz em perceções mais negativas.Face ao Direito à Autonomia Económica apenas se encontrou um efeito do sexo, raparigasapresentam perceções mais negativas e face ao Direito ao Apoio à Escolaridade encontrou-se um efeito da idade, quanto mais velhos, menor a perceção de respeito. Os três Direitosapresentaram diferenças significativas quando analisada a variável de tipologia das CA, énas casas mistas onde as crianças se sentem mais respeitadas. Em casas de pequenasdimensões os jovens revelaram uma maior perceção de respeito pelo Direito à Participação.Face a estes resultados foram encontrados os preditores do respeito pelos Direitos da criança,tendo-se observado um efeito indireto significativo, da pertença a CA mistas e CA pequenassobre Direito à Participação e o Direito ao Apoio à Escolaridade, mediado pela qualidadetotal das casas. São discutidas algumas implicações para a prática profissional em AR.
dc.language.isopor
dc.rightsopenAccess
dc.subjectPsicologia
dc.subjectPsychology
dc.titleQualidade em acolhimento residencial: a criança e os seus direitos
dc.typeDissertação
dc.contributor.uportoFaculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
dc.identifier.tid201756730
dc.subject.fosCiências sociais::Psicologia
dc.subject.fosSocial sciences::Psychology
thesis.degree.disciplineMestrado Integrado em Psicologia
thesis.degree.grantorFaculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
thesis.degree.grantorUniversidade do Porto
thesis.degree.level1
Appears in Collections:FPCEUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
226065.pdfQualidade em acolhimento residencial: a criança e os seus direitos768.15 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.