Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/10056
Author(s): Santos, Pedro Manuel Mendonça dos Anjos Sousa
Title: Análise da estrutura funcional da fase ofensiva do jogo de voleibol : Estudo realizado no escalão de juvenis masculinos
Publisher: Universidade do Porto. Reitoria
Issue Date: 2000
Abstract: Na actualidade, a observação e análise do jogo no Voleibol assume elevada importância ao permitir a identificação de regularidades na lógica acontecimental do jogo e, concomitantemente, o fornecimento de "pistas" para a orientação dos processos de treino e competição.O presente trabalho pretende estudar a estrutura funcional da fase ofensiva do Voleibol após recepção ao serviço, com o objectivo de identificar possíveis regularidades neste compartimento de jogo e identificar as sequências ofensivas em função do seu efeito.Foram assim recolhidas 1253 sequências ofensivas após recepção ao serviço, referentes a equipas do escalão de juvenis masculino a participar no Campeonato Nacional da época de 1998/1999.A realização deste trabalho permitiu destacar algumas conclusões. A estrutura funcional da fase ofensiva, após recepção do serviço, apresenta determinadas regularidades em todos os momentos da sua organização: as zonas preferencialmente utilizadas para a recuperação da bola, distribuição e finalização do ataque são, respectivamente, as zonas intermédia, 2/3 e 4; o tipo de ataque mais utilizado é o remate potente; o tempo de ataque mais frequente é o de 3º tempo; a recepção que permite ao distribuidor apenas duas opções de ataque e as condições de distribuição que possibilitam a realização do ataque na presença de dois ou mais blocadores são as mais frequentes; a qualidade do ataque, frequentemente, tem o efeito de continuidade.As sequências ofensivas, após recepção ao serviço, apresentam uma tendência de regularidade, em função do efeito do ataque: as sequências ofensivas positivas (que culminam na obtenção de ponto) apresentam tendências no sentido de se iniciarem na zona de recuperação intermédia e culminarem em ataques potentes; as sequências ofensivas neutras (que permitem a continuidade do jogo) apresentam tendências no sentido da ocorrência de recepções de fraca qualidade que culminam em ataques colocados; nas sequências ofensivas negativas (que culminam ...
Description: Dissertação de Mestrado em Ciência do Desporto, área de especialização em Desporto para Crianças e Jovens, apresentada à Faculdade de Ciências do Desporto e de Educação Física da Universidade do Porto
URI: http://hdl.handle.net/10216/10056
Document Type: Dissertação
Rights: openAccess
Appears in Collections:FADEUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
3007_TM_01_C.pdfVolume 01 Cores33.98 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
3007_TM_01_P.pdfVolume 01 Preto & Branco6.08 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.