Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/99870
Author(s): Maria Inês de Oliveira Marques
Title: O impacto dos sistemas de certificação ambiental na qualificação arquitectónica. Análise do método Qualitel
Issue Date: 2012-11-07
Abstract: It is presented in this document the dissertation about the value of the certifications of environmental quality in the architectural and constructive qualification, through an analysis of the theory and the practice of one leading certification body.The base of this work is the awareness that the environmental concerns are increasingly present in the human activities, from the industry and transportation to small everyday actions. So the architecture, being a sector that produces a great environmental impact, consuming most of the resources and energy produced, it is central to the imperative sustainable development.Currently, there is a vast number of regulations on issues such as energy performance, materials production, pollution during construction works and buildings comfort. However, there are still many factors that are not enforced by the law, but which raise the interest of various actors (builders, architects, users,..). Given the growing importance of these factors there are entities that issue certificates to evaluate the environmental quality of the architecture, providing the necessary tools for a good execution, since the beginning of the project design to the its construction and to its use and maintenance.In France, it was created the Qualitel Association, a forerunner entity in this area, which was the main reference for my study. This nonprofit group developed different types of certification for new buildings and buildings in need of rehabilitation, always connected to the residential typology. In this study I will focus on the first Qualitel certification, intended to singlefamily and‑ multifamily dwellings, student residences and senior homes.It will be explain its methodology, based on the technical manual provided by Qualitel, and analyze some of the certified buildings, in order to investigate the potential advantages and disadvantages of using this type of certification. Since it is always more present in the practice of architecture, it is important to understand if it is effectively proven performance improvements in the building and if that involves or not, losses at the level of architectural quality.Finally, this paper aims, to give a clear and informative overview of the environmental certification process, and also, given the divergent opinions about what is sustainability and what is architectural quality, stimulate new discussions about the union of these two fields, since such union, more or less voluntary, will become an unavoidable presence in architectural activity.
Description: Apresenta-se neste documento a dissertação sobre o valor das certificações de qualidade ambiental na qualificação construtiva e arquitetónica, através de uma análise da teoria e da prática de uma das principais entidades certificadoras.Tem-se como base impulsionadora deste trabalho a consciência de que as preocupações ambientais estão cada vez mais presentes nas atividades humanas, desde a indústria e meios de transporte até às pequenas ações do quotidiano, logo, a arquitetura, sendo um dos setores que produz mais impactos no meio ambiente, consumindo grande parte dos recursos e da energia produzidos, é fulcral para o desejado desenvolvimento sustentável.Atualmente, existe um vasto número de regulamentos em relação a temas como o desempenho energético, a produção dos materiais, a poluição durante a obra e o conforto dos edifícios, contudo, há ainda muitos fatores que não são impostos por lei, mas que suscitam o interesse de vários intervenientes (construtores, arquitetos, utilizadores,...). Face à crescente importância desses fatores, surgem as entidades que emitem certificações para avaliar a qualidade ambiental, dando os instrumentos necessários a uma boa execução desde o início da concepção do projeto até à execução da obra e à sua utilização e manuntenção.Em França foi criada a Associação Qualitel, uma entidade precursora nesta área, que serviu como principal referência para o meu estudo. Este grupo, sem fins lucrativos, desenvolveu diversos tipos de certificação, para edifícios novos e para edifícios com necessidade de reabilitação, sempre ligados à tipologia residencial. Neste estudo, centrar-me-ei na primeira certificação Qualitel, que se destina a casas uni-familiares, complexos de habitação coletiva, residências de estudantes e lares para a terceira idade.Irei, então, explicar a sua metodologia, com base no manual técnico fornecido pela Qualitel, e analisar alguns dos edifícios certificados, com o objetivo de perceber as possíveis vantagens e desvantagens da utilização deste tipo de certificação. Sendo certo que este tema está cada vez mais presente na prática da construção, é relevante perceber se são efetivamente provadas melhorias a nível de desempenho do edifício e se isso implica, ou não, perdas ao nível da qualidade arquitetónica.Finalizando, este trabalho pretende, em primeiro lugar, dar uma visão elucidativa e clara do processo de certificação ambiental e, em segundo lugar, face às divergentes opiniões sobre o que é a sustentabilidade e sobre o que é a qualidade arquitetónica, impulsionar novas discussões sobre a união destes dois campos, dado que tal união, de forma mais ou menos voluntária, se vai tornando uma presença incontornável na atividade arquitetónica.
Subject: Artes
Arts
Scientific areas: Humanidades::Artes
Humanities::Arts
URI: https://repositorio-aberto.up.pt/handle/10216/99870
Document Type: Dissertação
Rights: restrictedAccess
Appears in Collections:FAUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
23649.pdf
  Restricted Access
O impacto dos sistemas de certificação ambiental na qualificação arquitectónica. Análise do método Qualitel8.01 MBAdobe PDF    Request a copy from the Author(s)


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.