Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10216/87060
Author(s): Nuno Miguel Cruz Azevedo
Title: A Habitação Industrial do séc. XX: O módulo enquanto ferramenta racional arquitectónica
Issue Date: 2016-11-04
Abstract: With reference to the module as a rational instrument used inthe materialization of architectural and construction concepts, thisdissertation is to contextualize the route taken by this instrument, inparticular since the Industrial Revolution.The module capabilities, which are sometimes subtlymanifested in the architectural project, can assume variousconfigurations, all of them with the purpose of achieving asimplification of procedures used in the construction of structuresfocused to the mass response of different social needs. Reachingthe essence of this rational instrument is to recognize the idealpoint of the possible balance between the repetition and theexception of a standard, between the architectural typification anddiversity of a certain system.Focused on a study of the modular structuring, integratedmainly in multifamily housing context, the content of thisdissertation is located in the discussion of aspects that are takeninto account in a prefabrication process of industrialized and alsohandmade elements. The relevance of the module in industrialproduction is grounded with some practical and theoreticalexamples that served as a model for the architecture of thetwentieth century. Among these examples stand out works ofarchitects, of which we can highlight Le Corbusier; WalterGropius; J.P. Oud; Charles e Ray Eames; Mies Van der Rohe eHans Schmidt.The social housing project of the Portuguese architect ÁlvaroSiza for the neighborhood of Malagueira in Évora, is a case studythat intends to raise key issues in order to understand the role of themodule, or if you prefer, the impact of streamlined processes in avery particular context of Portuguese society. Communityparticipation during project implementation; guarantee of flexibilityand diversity in housing modules; the SAAL's vicissitudes; thevernacular language of the Alentejo architecture; the compatibilitywith the handmade production process; the austere nature of socialhousing; the adaptability to contingencies of an arid regionsupported by aqueducts; these are some of the subjects faced byÁlvaro Siza, from which resulted solutions that had in its genesisthe modular composition in different aspects: constructive;structural; visual; aesthetic and architectural.
Description: Tendo como referência o módulo enquanto instrumentoracional usado na materialização de conceitos arquitetónicos econstrutivos, serve a presente dissertação para contextualizar opercurso feito por este instrumento, com maior incidência a partirda Revolução Industrial.As potencialidades do módulo, por vezes subtilmentemanifestadas no projeto arquitetónico, podem assumir váriasconfigurações, todas elas com o objetivo de alcançar umasimplificação de processos usados na construção de estruturas,orientadas para a resposta massificada a diferentes necessidadessociais. Atingir a essência deste instrumento racional é reconhecero ponto ideal do equilíbrio possível entre a repetição e a exceção deuma norma, entre a tipificação e a diversidade arquitetónica de umdeterminado sistema.Focado num estudo da estruturação modular, integradasobretudo em contexto habitacional plurifamiliar, o teor dadissertação situa-se na discussão dos aspetos que são tidos emconta num processo de prefabricação de elementos industrializadose também artesanais. A pertinência do módulo na produçãoindustrial é fundamentada com alguns exemplos práticos e teóricosque serviram de modelo para a arquitetura do século XX. Entreesses exemplos vigoram obras de arquitetos, dos quais podemosdestacar Le Corbusier; Walter Gropius; J.P. Oud; Charles e RayEames; Mies Van der Rohe e Hans Schmidt.O projeto de habitação social do arquiteto português ÁlvaroSiza para o bairro da Malagueira em Évora, é um caso de estudoque pretende levantar questões essenciais de modo a compreendero papel do módulo ou, se quisermos, o impacto da racionalizaçãode processos num contexto muito particular da sociedadeportuguesa. A participação comunitária durante a execução doprojeto; garantias de flexibilidade e diversidade nos módulos dehabitação; as vicissitudes do SAAL; a linguagem vernacular daarquitetura alentejana; a compatibilidade com o processo deprodução artesanal; a natureza austera da habitação social; aadaptabilidade às contingências de uma região árida sustentada poraquedutos; são algumas das questões enfrentadas por Álvaro Siza,das quais resultaram soluções que tiveram na sua génese acomposição modular em diferentes aspetos: construtivo; estrutural;visual; estético e arquitetónico.
Subject: Artes
Arts
TID identifier : 201545900
URI: http://hdl.handle.net/10216/87060
Document Type: Dissertação
Rights: openAccess
Appears in Collections:FAUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
160842.pdfA Habitação Industrial do séc. XX: O módulo enquanto ferramenta racional arquitectónica6.02 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.