Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/80366
Author(s): Ana Patrícia da Silva Leal e Lima
Title: Habitação Mínima e Apropriação do Espaço: O Bairro Rainha D. Leonor
Issue Date: 2012-07-27
Abstract: The purpose of this work is to deepen the understanding of some forms of appropriation of space in minimumdwelling.The subject of this thesis focuses on Rainha D. Leonor's housing estate, located in Porto. Being composed by minimumdwellings this housing estate was recently object of rehabilitation, almost 60 years after its construction. Therelations between the inhabitant and his house went through a long and diverse process of space appropriation, characteristicof this housing estate.Initially, and in order to clarify the development of minimum dwelling, since the early twentieth century, it was madean approach to themes that include/cover notions such as: minimum, human needs, the ideals of the international andnational Modernist Movement. In addition, another subject of discussion, concerning the city of Porto, focuses on thedwelling's critical conditions. Here are discussed the measures and plans to solve the housing problems, connected tothat period, covering the Plano de Melhoramentos para a cidade do Porto 1956-66.During the development of this specific study about Bairro Rainha D. Leonor two different moments are analyzed:before and after rehabilitation. The inhabitant's lifestyles, their daily practices and ways of living in this neighborhood arestudied in both moments, perceiving their differences. The spatial changes in the houses between those two moments(before and after the rehabilitation) lead to different reactions by the inhabitants to their houses, showing their adjustmentsto the different spaces.This work allows to understand what is the meaning of living in minimum dwellings, and the mechanisms used toappropriate these houses.
Description: Este trabalho propõe aprofundar o estudo de algumas das formas de apropriação do espaço em habitação mínima.O objecto de estudo desta dissertação foca o bairro Rainha D. Leonor localizado na cidade do Porto. Composto porhabitações mínimas, foi recentemente alvo de requalificação, quase 60 anos após a sua construção. As relações entre ohabitante e a sua casa passaram por um processo de apropriação do espaço longo, variado e característico deste bairro.Inicialmente e de forma a esclarecer o desenvolvimento da habitação mínima, desde o início do século XX, são abordadostemas que englobam noções como: mínimo, necessidades, ideais do Movimento Moderno internacionais e nacionais.Outro ponto abordado, no contexto da cidade do Porto, incide sobre o estado crítico da habitação e as medidas eplanos para solucionar os problemas habitacionais associados a essa época, focando o Plano de Melhoramentos para aCidade do Porto 1956-66.No desenvolvimento do estudo específico do bairro mencionado, são analisados dois momentos distintos: o antes e odepois da requalificação. Estudam-se os modos de vida dos habitantes, as suas práticas quotidianas e formas de habitaro bairro em ambos os momentos, pondo em evidência as suas diferenças. As alterações espaciais nas habitações, após arequalificação, levam a práticas distintas entre os seus habitantes, como forma de adaptação a um novo espaço.Este trabalho permite perceber o que significa viver em habitações mínimas, e os mecanismos utilizados para a apropriaçãodestas habitações.
Subject: Artes
Arts
Scientific areas: Humanidades::Artes
Humanities::Arts
URI: https://repositorio-aberto.up.pt/handle/10216/80366
Document Type: Dissertação
Rights: openAccess
License: https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/
Appears in Collections:FAUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
23481.pdfHabitação Mínima e Apropriação do Espaço: O Bairro Rainha D. Leonor62.98 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons