Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/14280
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorHüsgen, Thomaspt_PT
dc.creatorFranco, António Cândidopt_PT
dc.creatorDelille, Karl Heinzpt_PT
dc.date.accessioned2013-05-22T23:12:18Z-
dc.date.available2013-05-22T23:12:18Z-
dc.date.issued1999pt_PT
dc.identifier.other000102353pt_PT
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10216/14280-
dc.description.abstractEste trabalho tem como finalidade desenvolver e, posteriormente, aplicar um modelo de análise e avaliação de traduções, ou seja, de concepções tradutológicas de textos de partida (T-p) literários. Depois de uma pequena resenha no capítulo 1, que desenvolve a questão da viabilidade da Teoria da Tradução como disciplina científica, passa-se, no capítulo 2, a apresentar em esboço as teorias de tradução "pré-científicas" mais representativas da Antiguidade até ao início do século XX, que apesar de dominadas pela clássica dicotomia "liberdade vs. fidelidade", espelhavam já uma consciência profunda em relação à problemática específica dos processos tradutológicos. É, no entanto, só com o desenvolvimento no século XX da Teoria da Tradução moderna (em alemão: Übersetzungswisswnschaft), cujos modelos mais significativos, com especial atenção para a área da língua alemã, são apresentados e comentados no capítulo 3, que se dá o passo decisivo para estabelecimento de uma teoria científica capaz de definir as suas próprias categorias de classificação. Dada a quantidade e variedade dos pressupostos teóricos que se propogaram principalmente após 1945, dispõem-se no trabalho os diferentes modelos em três subgrupos, conforme a maior enfase dada, respectivamente, à língua, ao texto ou ao tradutor no processo tradutológico.No seguimento desta organização, apresenta-se o modelo de crítica de tradução literária que se entende como tentativa de integração eclética dos diferentes modelos acima referidos, no sentido de suplantar as limitações de cada um inerentes às suas opções teóricas. Finalmente, a aplicabilidade deste modelo é testada no capítulo 4 na descrição e avaliação da tradução alemã de Georg Rudolf Lind da edição organizada por Jacinto do Prado Coelho do Livro do Desassossego por Bernardo Soares.pt_PT
dc.languageporpt_PT
dc.publisherPorto : [Ed. Autor]pt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.source.urihttp://aleph.letras.up.pt/F?func=find-b&find_code=SYS&request=000102353pt_PT
dc.subjectTeoria da traduçãopt_PT
dc.subjectLinguística do textopt_PT
dc.subjectTradução literáriapt_PT
dc.titleVom Getreuenboten Zum Nachschöpferischen autor : Entwicklung und Anwendung eines integrierenden Modells der Übersetzungskritikpt_PT
dc.typeTesept_PT
Appears in Collections:FLUP - Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2932TD01P000071945.pdf13.39 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
2932TD02P000071947.pdf14.51 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.