Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/128270
Author(s): Rita Sofia Torres Araújo
Title: Do Umbral ao Horizonte: Da essência íntima para um posicionamento na arquitectura
Issue Date: 2019-06-04
Abstract: This dissertation is the result of an investigation guided by the desire to make operative the semantics of our dispositions of delay. In this sense, this project presents itself as a movement of returning home, a distance, to read in the light of disciplinary knowledge of architecture, the singularities, what lays very close to us, what gives body to the sense of dwelling, what makes home. One welcomes an idea of Architecture freed from the prejudices and dogmas of specialization; the admission that the projectual procedure is not a single gesture, but rather a critical exercise, according to which the idea is transformed into form; a project of autonomy in relation to the foundation of other knowledges. In this condition of study and experience, one notes (re)encounters between science, practice, experience, history, memory and circumstance; a project that blurs materiality to give room for subjectivity; a project of movements and delays, from some past, present, on the way to a horizon. It is about (in)forming personality, constructing a posture and a form of relationship with the world, where the process brings together study and testimony. Recognizing Architecture as a knowledge in synthesis, we head home in three main moments (distinct, but related), with the common intention of giving substance to possible foundations for the construction of a position in the practice, a project of own architecture : the Threshold, which is marker of movement, concentrates understanding, gathers knowledge and causes the first distance; the Folding(s) that bring together experience and event - the singularity and one's self time; the Horizon that calls for projection, a leap for a practical vocation.
Description: Esta dissertação de mestrado é o resultado de uma investigação guiada pelo desejo de tornar operativa a semântica das nossas disposições de demora. Nesse sentido, este projecto apresenta-se como um movimento de voltar a casa, uma distância, para ler à luz do conhecimento disciplinar da arquitecura, as singularidades, o que está muito perto de nós, o que dá corpo ao sentido de habitar, o que faz casa. Acolhe-se uma ideia de Arquitectura liberta dos preconceitos e dogmas da especialização; a admissão de que procedimento projectual não se faz de um só gesto, é antes um exercício crítico, segundo o qual a ideia se transforma em forma; um projecto de autonomia em relação com a fundação de outros conhecimentos. Nessa condição de estudo e experiência, dá-se notícia de (re)encontros entre ciência, prática, experiência, história, memória e circunstância; um projecto que desfoca a materialidade para dar espaço a subjectividade; um projecto de movimentos e demoras, a partir de algum passado, de presente, a caminho de um horizonte. Trata-se de (in)formar personalidade, construir uma postura e uma forma de relação com o mundo, onde o processo faz conviver estudo e testemunho. Reconhecendo a Arquitectura como um saber em síntese, (ar)rumamos a casa em três momentos principais (distintos, mas relacionantes), com a intenção comum de dar corpo a possíveis fundações para a construção de um posicionamento na prática, um projecto de arquitectura próprio : o Umbral, que é marcador de movimento, concentra compreensão, reúne conhecimento e provoca a primeira distância; a(s) Dobra(s) que reúnem experiência e acontecimento - as singularidade e o tempo próprio; o Horizonte que convoca projecção, um salto para uma vocação prática.
Subject: Artes
Arts
Scientific areas: Humanidades::Artes
Humanities::Arts
URI: https://hdl.handle.net/10216/128270
Document Type: Dissertação
Rights: restrictedAccess
Appears in Collections:FAUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
411097.pdf
  Restricted Access
Do Umbral ao Horizonte: Da essência íntima para um posicionamento na arquitectura92.48 MBAdobe PDF    Request a copy from the Author(s)


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.