Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/128097
Author(s): Jussara Mesquita da Costa
Title: Fatores de adesão e permanência à prática em programa de exercícios físicos entre pessoas idosas do norte de Portugal
Issue Date: 2020-07-24
Abstract: The regular and guided practice of physical exercise (PE) is directly linked to improving the quality of life in all stages of life (ACSM, 2009). PE programs have been recommended to the elderly population in order to prevent the decline in functionality, health and quality of life (Capodaglio et al., 2007), being a public health concern (Paterson & Warburton, 2010). However, these benefits are dependent on the regularity and attendance of these programs, and there are still many barriers to PE practice to overcome. In this sense, the present study aimed to investigate the main factors of adherence and permanence of elderly people in the community physical exercise program "More active, more lived" ("Mais Ativos, Mais Vividos"). The qualitative study conducted semi-structured interviews with 17 participants (mean age = 75.65±5.49 years). The interviewed participants had been attending the program for at least 2 to a maximum of 13 years. The interviews were transcribed, and an inductive thematic analysis was carried out (Willig, 2013), with respect to adherence to the program the following themes emerged: the enjoying and pleasure for PE and sport practice; the search for social interaction; search for health stimuli, and become more active; maintain autonomy desire. With regard to permanence: social interaction; enjoying and pleasure for PE and sport; and the feeling of belonging to the program; confidence in PE leadership and encouragement from teachers. Through the present study, it was possible to point out that elderly people adhere to the practice in the "MAMV" project mainly by the peer's suggestion, and remain motivated by social interaction, in addition to the health benefits, related to the achievement of greater functional and social independence. Furthermore, the practice of physical exercise and group-based activities stimulates expressions of feelings related to "belonging" and pride, which the participants reported in being part of the "MAMV" Project. Thus, it became evident that, for the elderly, feeling embraced and respected by others denotes feelings of pride and self-esteem, which, in turn, reinforce their involvement and adherence to practice.
Description: A prática regular e orientada de exercícios físicos (EF) está diretamente ligada a melhoria da qualidade de vida em todas as etapas da vida (ACSM, 2009). Os programas de EF vêm sendo aconselhados à população idosa na prevenção do declínio da funcionalidade, saúde e qualidade de vida (Capodaglio et al., 2007), constituindo-se uma preocupação em termos de saúde pública (Paterson & Warburton, 2010). No entanto, estes benefícios são dependentes da regularidade e assiduidade a esses programas, existindo ainda muitas barreiras para a prática de EF. Neste sentido, o presente estudo teve como objetivo investigar os principais fatores de adesão e permanência de pessoas idosas no programa comunitário de exercício físico "Mais ativos, mais vividos". O estudo qualitativo realizou entrevistas semiestruturadas a 17 participantes (idade média = 75,65  5,49 anos). Os participantes entrevistados frequentavam o programa há no mínimo 2 ao máximo 13 anos. As entrevistas foram transcritas, e realizada uma análise temática indutiva (Willig, 2013), sendo que relativamente à adesão ao programa emergiram os seguintes temas: o gosto e o prazer pela prática de EF e desporto; a busca por interação social; busca por estímulos à saúde, e tornarem-se mais ativos; busca por manter a autonomia. No que se relaciona com a permanência: interação social; gosto e o prazer pela prática de EF e desporto; e a sensação de pertencimento ao programa; relação de confiança na orientação e estímulos por parte dos professores. Pelo presente estudo, foi possível apontar que pessoas idosas aderem a prática no projeto "MAMV" principalmente pela indicação de outras pessoas, e se mantem motivados pela interação social, além dos benefícios para a saúde, relacionados à conquista de maior independência funcional e social. Além disso, a prática do exercício físico e desporto em coletivo estimula manifestações de sentimentos relativos ao "pertencimento" e ao orgulho, que os participantes relataram em fazer parte do Projeto "MAMV". Assim, ficou evidenciado que, para o idoso, sentir-se acolhido e respeitado remete aos sentimentos de orgulho e autovalorização, os quais, por sua vez, fortalecem laços extremamente relevantes para que os mesmos se mantenham envolvidos com a prática.
Subject: Outras ciências sociais
Other social sciences
Scientific areas: Ciências sociais::Outras ciências sociais
Social sciences::Other social sciences
TID identifier: 202504999
URI: https://hdl.handle.net/10216/128097
Document Type: Dissertação
Rights: openAccess
Appears in Collections:FADEUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
410620.pdfFatores de adesão e permanência à prática em programa de exercícios físicos entre pessoas idosas do norte de Portugal726.54 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.