Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/126683
Author(s): Nuno Gabriel Resende Correia Neves
Title: Vazios Urbanos e a Produção Espacial Contemporânea: Uma análise do urbanismo neoliberal em Belo Horizonte
Issue Date: 2019-11-18
Abstract: The objective of the following study is to analise one of the (very often) forgotten spaces of the city: the urban voids. In an attempt to grasp them in their economic, political and social dimension we will make a brief analysis on the changes implemented on the urban design policies in the last few decades. In this way, we will divide this thesis in two main chapters: on the first one we will make a critical analysis on the ascencion of the neoliberal discourse in the tools of urban planning and city management. We will see what exactly is the neoliberalism ideology, allocating it historically and contextualy. With this frame we will see how this new way of the world 1 penetrates our experience of the daily and community life and how it installs itself in urban planning decisions. After a critical reading of the Operações Urbanas Consorciadas, one of the main modalities of PPP adopted by the brazillian government since the 1990s, we will be able to comprehend which dynamics these tools solidifies and which they eliminate, understanting the urban landscape in all its diversity and multiplicity as well as with all its actors ( living and non-living ) involved in the process. This work will focus on the case of a brazillian city, Belo Horizonte, and we will see how the city is a stage of conflict between many agents and how, in the neoliberal context, the city is always territory in contest 2. With a "common ground" built in these first chapter we can follow with the second chapter, where we will analise the theme of the urban voids in an attempt to understand where does its resilience come from and what are the urban economic conditions for its development.
Description: O presente estudo possui como objetivo uma análise de espaços esquecidos da cidade: os vazios urbanos. Tentando compreendê-los em sua esfera política, econômica e social faremos algumas observações a cerca das mudanças estabelecidas nas ferramentas de planejamento urbano nas últimas décadas. Desta forma, dividiremos o trabalho em dois capítulos principais: no primeiro faremos uma análise crítica da ascensão do discurso neoliberal nas ferramentas de planejamento urbano e gestão de cidades. Para chegarmos até lá, veremos o que de fato é o neoliberalismo, localizando-o historicamente e contextualmente. Com o recorte apresentado, veremos de que maneira essa nova razão do mundo 1 penetra na vivência do cotidiano e do coletivo, e de que maneira ela se instala em decisões de planejamento do território. A partir de uma leitura crítica das Operações Urbanas Consorciadas (OUCs), uma das modalidades de parcerias público-privadas (PPPs) mais adotadas pelo governo brasileiro a partir dos anos 90, compreenderemos quais dinâmicas essas ferramentas solidificam e quais elas eliminam, entendendo a cidade em toda a sua diversidade e multiplicidade, levando em conta todos os atores (vivos e não-vivos) envolvidos no panorama. Focaremos no caso de uma cidade brasileira em específico, Belo Horizonte, e veremos de que maneira a cidade é palco de conflito entre diversos agentes e como, dentro do contexto neoliberal, a cidade é sempre um palco de território em disputa2. Com o "chão comum" para uma discussão, construído neste primeiro capítulo, seguimos para o segundo capítulo deste trabalho, em que faremos uma leitura dos vazios urbanos em uma tentativa de entender o porquê da sua resiliência no território e quais são as condições da economia urbana para que eles possam existir.
Subject: Artes
Arts
Scientific areas: Humanidades::Artes
Humanities::Arts
URI: https://hdl.handle.net/10216/126683
Document Type: Dissertação
Rights: openAccess
Appears in Collections:FAUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
390027.pdfVazios Urbanos e a Produção Espacial Contemporânea: Uma análise do urbanismo neoliberal em Belo Horizonte34.38 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.