Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/123773
Author(s): Nuno Manuel Martins de Carvalho Bastos
Title: Construção em Madeira. Preconceito Nacional ou Inadequação? Processos atuais da conceção à execução.
Issue Date: 2019-11-08
Abstract: Practically since the beginning of mankind, wood is present throughout theentire construction history. Whether it's used as a structural element orjust as a finishing material, wood conveys an undeniable sense of comfortand building quality. In Portugal however, despite its many valences andthe abundance of resources, it's still not seen as an equal or more viableoption as most common building materials like concrete and steel.Is it a matter of national prejudice or inadequacy? This is the mainquestion of this research, while trying to realize whether wood, the oldestmaterial available to Man, can also be the most technological it can workwith, especially when engineered wood products like cross-laminatedtimber (CLT) are developed.This paper aims to understand how the development of new woodenbuilding materials, resulting from industrialized processes, influences orconditions an architect's design methods and consequently, the projectexecution in its various stages. It is also discussed how these materialscan contribute to a cultural change regarding the reduced role that woodplays in Portuguese construction.Based on the analysis of multiple Portuguese projects built in recent years,wood's use evolution in national construction is analyzed. Recognizingthat the architect's choice of one set of materials over others constitutesa defining moment in the transmutation from project to construction,this research seeks to emphasize that wood, like any other material, hasits characteristics, its execution constraints and, above all, transmits acomplex variety of sensations to the built environment.
Description: Praticamente desde o início da humanidade a madeira está presente emtoda a história da construção, quer seja como elemento estrutural ouapenas de acabamento, transmitindo uma inegável sensação de confortoe qualidade de construção. Contudo, apesar das suas diversas valênciase da abundância de recursos, em Portugal, a madeira ainda não é vistacomo uma opção tão ou mais viável como os mais comuns materiais deconstrução como o betão e o aço.Será uma questão de preconceito nacional ou inadequação? É sobre estaquestão que recai a investigação, procurando perceber se a madeira, omaterial mais antigo disponível ao Homem, pode ser também um dosmais tecnológicos com que pode trabalhar, quando, por exemplo, sedesenvolvem materiais transformados como o "cross-laminated timber"(CLT).O presente trabalho tem como objetivo entender de que modo odesenvolvimento de novos materiais de construção em madeira,decorrentes de processos industrializados, influenciam ou condicionamos métodos de conceção de um arquiteto e, consequentemente, a execuçãodo projeto nas suas diversas fases. Discute-se também de que formaestes materiais podem contribuir para uma mudança cultural no que dizrespeito ao reduzido papel que a madeira desempenha na construçãoportuguesa.Apoiado na análise de múltiplos projetos portugueses construídos nosúltimos anos, é analisada a evolução do uso da madeira na construçãonacional e, reconhecendo que a escolha, por parte do arquiteto, de umconjunto de materiais em detrimento de outros, constitui um momentodeterminante na transmutação do projeto em obra, procura-se realçarque a madeira, como qualquer material, possui as suas características,as suas condicionantes de execução e, acima de tudo, transmite umacomplexa variedade de sensações no espaço construído.
Subject: Artes
Arts
Scientific areas: Humanidades::Artes
Humanities::Arts
TID identifier: 202378748
URI: https://hdl.handle.net/10216/123773
Document Type: Dissertação
Rights: openAccess
Appears in Collections:FAUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
364885.pdfConstrução em Madeira. Preconceito Nacional ou Inadequação? Processos atuais da conceção à execução.58.52 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.