Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/121663
Author(s): Ribeiro, Fernanda
Silva, Armando Malheiro da
Title: Infocomunicação como projeto comum de diálogo e prática = Infocommunication as a common dialogue and practice project
Issue Date: 2019
Abstract: The aim is to analyze the origin and evolution of the Information andCommunication Sciences, born in France in the second half of the 20th centuryunder the impulse of a group of researchers in which Roland Barthes, RobertEscarpit and Jean Meyriat were the most representative. The integratedperspective they advocated for this field of study has achieved concrete results inFrance, but its influence in other countries is virtually unknown. Nevertheless, weknow that, through the creation of the iSchools academic movement, theinformation and communication binomial has been modeled with a markedlytechnological and less scientific-social and humanistic bias. The analysis of theprogrammes offered by iSchools showed that, although some schools offer trainingin communication and information, there is no consistent epistemological basis tosupport the integrated vision that characterized the French SIC nor a realtransdisciplinary vision. In this paper we intend to show that it is possible to developa project that brings communication and information professionals closer together,and that allows us to overcome the professional dimension and discover affinitiesat the phenomenological and epistemological level.
Description: Procura-se analisar a origem e a evolução das Ciências da Informação eComunicação, nascidas em França na segunda metade do século XX sob oimpulso de um grupo de investigadores de que Roland Barthes, Robert Escarpit eJean Meyriat foram os mais representativos. A perspetiva integrada quedefendiam para este campo de estudo obteve resultados concretos em França,mas a sua influência em outros países é praticamente desconhecida. Nãoobstante, sabemos que, através da criação do movimento académico das iSchoolsse foi modelando, na prática, o binómio informação e comunicação com um viésacentuadamente tecnológico e menos cientifico-social e humanístico. A análise daoferta formativa das iSchools permitiu demonstrar que, apesar de algumas escolasoferecerem formações em comunicação e informação, não existe uma consistentebase epistemológica para suportar a visão integrada que caraterizava as SICfrancesas nem uma real visão transdisciplinar. Nesta comunicação pretende-semostrar que é possível desenvolver um projeto que aproxime profissionais dacomunicação e da informação e que permita superar a dimensão profissional edescobrir afinidades no plano fenomenológico e epistemológico.
Subject: Ciência da Informação
Information science
URI: https://hdl.handle.net/10216/121663
Source: Ciências da comunicação [recurso eletrónico] : vinte anos de investigação em Portugal / 10ª Congresso SOPCOM
Document Type: Artigo em Livro de Atas de Conferência Nacional
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUP - Artigo em Livro de Atas de Conferência Nacional

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
344706.pdf344.68 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.