Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/119883
Author(s): Francisco Emanuel Cancela Oliveira Silva Pais
Title: Novas tendências tipológicas nas cidades contemporâneas - as tipologias T1 e T0 como necessidade dos novos hábitos de vida e novas formas de habitar
Issue Date: 2017-11-29
Abstract: Being aware of the boom in the growth of studio typologies in contemporarycities, the implications of this stance and the emergence of this topic in society,this dissertation attempts to investigate the reasons for investment in these unitsby the real estate sector. These are generally designed for renting and short-termpermanence - believed to be outcomes of a process of gentrifcation Portuguesecities are currently undergoing.In the past, short-term housing has been associated with the debut of adult lifeor the exodus from rural areas of the country (in the sixties, sub-letting rooms orparts of a unit was common practice). This is no longer the case. The qualitiesthese new units are able to provide - namely fexibility and adaptability - allow fora better urban lifestyle - when compared to the scattered old rooms - as well asbetter living conditions. The evolution living confgurations, along with the changes in technology, since the digital revolution, are related to this tendency.An increase in demand has become the focus of interest for promoters, whoseconsequence is the optimization of spaces. Nonetheless, should cities becomea simple outcome of short-term housing? Despite the existence of an enticinghousing market for investors - grounded on a certain kind of inhabitant, necessarily different from the traditional one - are cities able to survive without permanentfamilies, that is, groups that are able to create cultural roots?Given the relevance of the topic, it's important to study how these typologiesare changing the city of Porto as response of the new ways of contemporaryliving and the growth of tourism phenomenon.
Description: Consciente do crescimento das tipologias T0/T1 nas cidades contemporânease as suas implicações, e sendo um tema em debate atual pela comunidade, procuro estudar, através desta dissertação, as razões para a aposta dos promotoresimobiliários neste tipo de habitações. Tratam-se, de forma geral, de habitaçõesdirecionadas para o arrendamento e transitoriedade - frutos da gentrifcação dascidades contemporâneas em Portugal.Esta transitoriedade já não é associada ao início de vida adulta ou a êxodosrurais - como nos anos 60, onde era frequente a sub-locação de quartos ou partes de uma habitação. A fexibilidade e adaptabilidade que estes fogos oferecem,nos dias de hoje, uma melhor qualidade de vida urbana em relação aos antigosquartos de sub-arrendamento, bem como melhores condições de habitabilidade.A evolução das formas de habitar e o desenvolvimento tecnológico, desde arevolução digital, estão relacionados com esta tendência.Este aumento de procura e maior rentabilização das áreas úteis de habitaçãotornou-se no foco de interesse por parte de quem investe. Porém, podem ascidades ser apenas fruto de transitoriedade? Apesar da existência um mercadode promoção imobiliária atrativo para investidores - que tem por base um certotipo de habitante, diferente do tradicional - podem as cidades sobreviver semfamílias que se enraízem culturalmente?Posto isto, foi importante direcionar o estudo destas tipologias para o caso doPorto tendo em conta a pertinência do tema face à realidade atual da cidade,onde estes modelos surgem como resposta não só aos novos modos de habitarcomo ao aumento do turístico que a cidade apresenta.
Subject: Artes
Arts
Scientific areas: Humanidades::Artes
Humanities::Arts
URI: https://hdl.handle.net/10216/119883
Document Type: Dissertação
Rights: openAccess
Appears in Collections:FAUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
334686.pdfNovas tendências tipológicas nas cidades contemporâneas - as tipologias T1 e T0 como necessidade dos novos hábitos de vida e novas formas de habitar86.73 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.