Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio-aberto.up.pt/handle/10216/118179
Author(s): Ricardo Filipe dos Santos Garrido
Title: Velocidade de reação podal e agilidade motora em futebolistas com paralisia cerebral
Issue Date: 2018-12-05
Abstract: The speed of reaction and motor agility are important factors in the course of any sport, and the more developed these two abilities are, the better the athlete's performance. As these abilities are most affected in what corresponds to cerebral palsy (CP), its stimulation is fundamental in order to make the individual more proficient in his athletic performance and, even more, independent of the daily obstacles. The aim of this study was to evaluate the effect of a training program on the speed of foot reaction and motor agility of 11 male soccer players from 7, between 19 and 38 years (26.36 ± 5.66), with PC, inserted in 4 classes, being C5, C6, C7 and C8. The Nelson test was used to evaluate the speed of the foot reaction, and the modified Shuttle Run test evaluated the motor agility. Two data collections were performed, with a time interval of 4 months between them. During this 4 -month period, the athletes performed 3 training sessions per week, with 1 hour and 30 minutes each. Results analysis included descriptive statistics (mean, standard deviation), use of the Wilcoxon test for the comparison between moments for the total sample and for classes and the Mann-Whitney test between groups of different pedal preference, at each moment of evaluation. Results: in the foot reaction velocity, there were significant improvements in the total sample and, when we separated the athletes by their classes, in the classes C5 and C7, to the right foot of the athletes. However, there were no significant improvements when comparing the groups of preference among the evaluations. In motor agility, no significant changes were observed after four months of training. We conclude that the training of the speed of the foot reaction caused significant modifications enabling athletes to respond more quickly to the decision making requirements of this sport, especially at the right foot level.
Description: A velocidade de reação e a agilidade motora são fatores importantes no decorrer de qualquer prática desportiva, sendo que quanto mais desenvolvidas estiverem estas duas capacidades, melhor será a performance do atleta. Sendo estas capacidades as mais afetadas no que corresponde à paralisia cerebral (PC), é fundamental a sua estimulação de modo a tornar o indivíduo mais proficiente no seu desempenho atlético e, ainda, mais independente face aos obstáculos diários. Este estudo pretendeu avaliar o efeito de um programa de treino na velocidade de reação podal e na agilidade motora de 11 atletas masculinos de futebol de 7, entre os 19 e os 38 anos (26,36 ± 5,66), com PC, inseridos em 4 classes, sendo elas C5, C6, C7 e C8. Para avaliar a velocidade de reação podal aplicou-se o teste de Nelson e o teste de Shuttle Run modificado avaliou a agilidade motora. Realizaram-se duas recolhas de dados, com um intervalo de tempo de 4 meses entre elas. Nesse período de 4 meses, os atletas realizaram 3 treinos semanais, com 1 hora e 30 minutos de duração cada. A análise dos resultados inclui u a estatística descritiva (média, desvio padrão), a utilização do teste Wilcoxon para a comparação entre momentos para a amostra total e por classes e o teste de Mann-Whitney entre grupos de diferente preferência podal, em cada momento de avaliação. Resultados: na velocidade de reação podal, existiram melhorias significativas na amostra total e, quando separamos os atletas pelas suas classes, nas classes C5 e C7, para o pé direito dos atletas. No entanto não se verificou melhorias significativas quando comparados os grupos de preferência entre as avaliações. Na agilidade motora não se observaram alterações significativas após os quatro meses de treino. Concluímos que o treino da velocidade de reação podal causou modificações significativas capacitando os atletas a responderem mais rápido às exigências de tomada de decisão desta modalidade desportiva, principalmente ao nível do pé direito.
Subject: Outras ciências sociais
Other social sciences
Scientific areas: Ciências sociais::Outras ciências sociais
Social sciences::Other social sciences
TID identifier: 202131181
URI: https://repositorio-aberto.up.pt/handle/10216/118179
Document Type: Dissertação
Rights: embargoedAccess
Embargo End Date: 2019-06-04
Appears in Collections:FADEUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
306053.pdf
  Restricted Access
Velocidade de reação podal e agilidade motora em futebolistas com paralisia cerebral794.76 kBAdobe PDF    Request a copy from the Author(s)


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.