Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/112312
Author(s): Ana Rita Gomes Matos
Title: Conservação de uma memória: a arquitetura sanatorial na contemporaneidade
Issue Date: 2018-03-23
Abstract: With the large amount of degraded buildings in Portugal, it's important to encouragethe conservation and rehabilitation. Taking into account that sanatoriums- new architectural typology developed to fight tuberculosis - appearedin a time of big changes, not only in the architecture area with themanifestation of the modern movement and the exploration of new techniquesand construction materials, as well as in the medicine area due to the massivespread of the disease, these infrastructures had a significant importance betweenthe second half of the 19th century and the first half of the 20th century.However, and due to the modernization of the medical practices, they wereeventually forgotten and many of them are still in a state of degradation.In the Caramulo village, out of a total of twentysanatoriums, we can currently find nine in this situation.In this context, the present dissertation aims to study the sanatorial architecturedevelopment and assess the potential of its buildings can be rebuilt and adapted tothe contemporary times, without being placed in question its essence and identity.In other words, look for an adjustment to the new urban and social constraintsthat define the current context, reaffirming and restoring the sanatorial buildingsutility. The aim is to also understand which are the functions that best fit in thistype of buildings and how to connect and adjust the new program to the originalcompositional and spacial structure. To best achieve this last goal, it will beused the principal sanatorium of the former Estância Sanatorial do Caramulo.
Description: Considerando o aumento de edifícios em estado de degradação em Portugal, torna--se importante incentivar uma atitude de conservação e reabilitação do edificado.Tendo em conta que os sanatórios - nova tipologia arquitetónica desenvolvida paracombater a tuberculose - surgiram numa época de grandes transformações, não sóna Arquitetura, com o aparecimento do Movimento Moderno e com a exploraçãode novas técnicas e materiais de construção, como também na Medicina devido aoagravamento e à expressiva propagação da doença, estas infraestruturas tiveramuma importância significativa entre a segunda metade do século XIX e a primeirametade do século XX. No entanto, e devido à modernização das práticas medicinais,viram diminuída a sua utilidade, acabando por cair no esquecimento. Muitosdestes edifícios ainda se encontram em estado devoluto e de degradação e na Vila doCaramulo, de um total de vinte sanatórios, podemos encontrar nove nessa situação.Neste contexto, a presente dissertação tem como objetivo estudar o desenvolvimentoda arquitetura sanatorial e avaliar a potencialidade dos seus edifíciosconseguirem ser readaptados à contemporaneidade, sem que sejacolocada em causa a sua essência e identidade. Ou seja, procurar uma adaptaçãoàs novas condicionantes urbanas e sociais que definem o seu contextoatual, reafirmando e devolvendo a utilidade aos edifícios sanatoriais.Pretende-se também compreender quais as funções que melhor se adequam a estatipologia e como se deve relacionar e ajustar o novo programa à estrutura compositivae espacial original. Para assegurar este objetivo, será utilizado comocaso de estudo o sanatório-diretor da antiga Estância Sanatorial do Caramulo.
Subject: Artes
Arts
Scientific areas: Humanidades::Artes
Humanities::Arts
TID identifier: 202376087
URI: https://hdl.handle.net/10216/112312
Document Type: Dissertação
Rights: openAccess
Appears in Collections:FAUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
269482.pdfConservação de uma memória: a arquitetura sanatorial na contemporaneidade59.11 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.