Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10216/111497
Author(s): Sara Marques Serra
Title: A cidade romana de Viseu. A memória do passado como suporte da cidade do presente
Issue Date: 2018-03-23
Abstract: Using drawing as a method of investigation this thesis proposes to analisethe city of Viseu, Portugal, during the roman ocupation, from the II/I centuryBC to the IV/V AD.The fist part contextualizes the space and time of study whilst describesgenerally the main changes that occurred in the area where Viseu sits.The understanding of Lusitania, the roman region that Viseu was a partof, its boundaries and relationships allowed for a better analisys of othercities and examples that were certainly a influence.The second part, considered the more pratical part of this work, aimsto study the city and its evolution, analising and reconstructing what issupposed to be the its old blueprint. To do so the roman treatises abouturban planning and cities, such as Vitruvio, were used in combination withother investigations about the roman city of Viseu and the archeologicalexcavations that took place in the city. This creates several layers ofinformation that are unified using tracing, creating a unique work method.The exceptional location of Viseu, protected by mountains with a goodsupply of water and understanding of its surroundings creates the idealconditions for humans to settle. The city was deconstructed to the groundand then rebuilt, brick by brick, until it was a whole again. The type ofinformation obtained allowed to answer as many questions as the onesthat were made.The last, third, part the roman legacy is analised, aware that everygeneration leaves a mark in the place it inhabits, shapping the it and theway future generations use it. It is, therefore, possible to outline similaritesand in some cases coincidences, between the several layers of use of aspace. Studying the public buildings that followed the roman era and theheritage on the medieval city we ought to make clear the idea of continuityin the plan of the city.
Description: Esta dissertação tem como objetivo a análise da cidade de Viseu durantea ocupação romana, entre os séculos II/I a.C. e IV/V d.C., usando odesenho como principal método de análise, sobre as teorias e achados.A primeira parte pretende enquadrar o tempo e local de estudo,clarificando sobre as alterações que ocorreram a nível global na áreaonde se insere Viseu. A perceção do território e da sua ordenaçãopermitem traçar a área política em que a cidade romana de Viseu seinseria, a Lusitânia. A compreensão da sua organização aos vários níveiscria uma base de estudo mais sólida, apoiada em fatos e exemplos que,certamente, influenciaram Viseu.A segunda parte, considerada prática, visa estudar a cidade e a suaevolução através da análise e reconstrução do que seria o seu urbanismo,recorrendo à tratadística romana e aos estudos e escavações feitospor outros investigadores sobre a cidade de Viseu e outras cidades daLusitânia. A sobreposição de diferentes camadas de informação, defontes e contextos diversos, cria uma metodologia de trabalho rica, quese apoia no desenho para atingir o seu objetivo final. O enquadramentoexcecional de Viseu, resguardado num vale por um sistema montanhoso,com acesso a água e bom domínio do terreno criam as condições ideaispara a fixação humana. A cidade é desconstruída até às suas fundaçõespara ser, a seguir, reconstruída peça a peça até um todo coeso. Anatureza da informação disponível permite responder quase tantasperguntas quanto as que foram levantadas durante esta dissertação.Na terceira parte abordamos a continuidade da herança romana,conscientes que cada geração deixa a sua marca no sítio em que habitamoldando e condicionando as gerações futuras. É por isso possíveltraçar paralelismos, e em alguns casos coincidências/sobreposições,entre as várias épocas após a compreensão da herança deixada pelosdiferentes povos que habitam um espaço.Analisando os edifícios de carácter público, que seguiram esta época,e as heranças na cidade medieval queremos deixar clara a ideia decontinuidade presente na malha urbana.
Subject: Artes
Arts
Scientific areas: Humanidades::Artes
Humanities::Arts
TID identifier: 202379264
URI: https://hdl.handle.net/10216/111497
Document Type: Dissertação
Rights: openAccess
Appears in Collections:FAUP - Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
260684.pdfA cidade romana de Viseu. A memória do passado como suporte da cidade do presente80.47 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.