Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio-aberto.up.pt/handle/10216/105714
Author(s): Manuel Oliveira
Hortênsia Barandas
João José da Cunha e Silva Pinto Ferreira
Title: O método lead-user para o desenvolvimento de produtos
Issue Date: 2009
Abstract: O que é o lead user method e o que são lead users? A inovação de um bem ou serviço é estimulada pelos utilizadores líderes ou seja pelos lead users, caracterizados pelas suas expectativas, motivação e experiência. Isto é, esperam obter os benefícios relacionados com a inovação o que faz com que se sintam motivados para inovar. Devido à sua experiência este tipo de utilizadores sente necessidade de uma dada inovação mais cedo que a maior parte dos restantes utilizadores do mercado alvo. Ou seja, procuram soluções inovadoras para as suas necessidades de vanguarda. Assim, o método lead user está alicerçado nos utilizadores/ clientes que estão na vanguarda. Clientes com necessidades avançadas que procuram satisfazer, muitas vezes, produzindo eles próprios inovações caseiras. Estas inovações caseiras poderão, por sua vez, ser adoptadas por outros clientes, em massa, depois de fabricadas e comercializadas por empresas atentas. É de salientar a mentalidade que estes clientes na vanguarda possuem, pois o que eles querem é satisfazer a sua necessidade de ter um produto capaz, fabricado segundo as suas especificações, e, simultaneamente, satisfazer a sua necessidade intelectual de serem reconhecidos por serem criativos e líderes de inovação na sua indústria de eleição.
Description: O Lead User Method - Em 1998 Eric Von Hippel no seu livro The Sources of Innovation introduz este conceito e demonstra-o com vários exemplos. Segundo o Eric Von Hippel, a democratização da inovação significa que há utilizadores de produtos e serviços (tanto empresas como consumidores individuais) que cada vez mais são capazes de inovar por iniciativa própria. Esta tendência crescente vem mudar a natureza das relações comerciais existentes no mercado, onde tradicionalmente eram os fabricantes quem detinham os processos de desenvolvimento e de inovação dos produtos. Este facto é particularmente evidente nos Produtos/Serviços da Informação em que os utilizadores têm a possibilidade de conceber grande parte ou a totalidade do produto ou serviço sem recorrer a um fabricante. São disso exemplo as conhecidas iniciativas Software Livre (Linux, Apache, etc.) onde uma comunidade de utilizadores desenvolveu um produto capaz de concorrer em pé de igualdade com produtos inteiramente desenvolvidos pelos fabricantes. Este artigo expõe o método lead user, um processo de 4 etapas, fornecendo exemplos e bibliografia de base. Fala também sobre o método lead user em Portugal nomeadamente como o Mestrado em Inovação e Empreendedorismo Tecnológico (MIETE - Leccionado na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP)) já inclui na edição de 2008/2010 a inovação intra-empresarial, através da introdução do Lead User Method no seu curriculum.
Subject: Ciências Tecnológicas, Economia e gestão
Technological sciences, Economics and Business
Scientific areas: Ciências sociais::Economia e gestão
Social sciences::Economics and Business
URI: http://hdl.handle.net/10216/105714
Document Type: Artigo em Outras Revistas
Rights: restrictedAccess
Appears in Collections:FEUP - Artigo em Outras Revistas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
60125.pdf
  Restricted Access
Artigo publicado989.17 kBAdobe PDF    Request a copy from the Author(s)


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.