Utilize este identificador para referenciar este registo: https://hdl.handle.net/10216/7828
Autor(es): Marinho, Maria de Fátima
Título: A concepção da natureza na obra poética da Marquesa de Alorna
Data de publicação: 2014-01-29
Resumo: In this study, the author attempts to demonstrate the extent to which the neo-classical and Arcadian education of the Marchioness of Alorna conditioned the use she made of nature in her poetical work, despite her effective knowledge of new romantic aesthetics. The study of one of her translations (or imitations), Thomson's Primavera, allows us to see the form in which she always treats the poetical material of the representation of nature. Special mention will be made to Recreacoes Botanicas (1813), in that in this long poem (in the form of six cantos) we note the didactic concerns, the details and the comparisons proclaimed by Buffon, Daubenton and Saint-Lambert.
Assunto: Literatura portuguesa
Literatura portuguesa - Poesia - Estudos críticos
URI: http://hdl.handle.net/10216/7828
Ligação ao Catálogo: http://aleph.letras.up.pt/F?func=find-b&find_code=SYS&request=000189608
Fonte: Revista da Faculdade de Letras : Línguas e Literaturas, II série, vol. 16 (1999), p. 47-58
Tipo de Documento: Artigo em Revista Científica Nacional
Condições de Acesso: openAccess
Aparece nas coleções:FLUP - Artigo em Revista Científica Nacional

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
2804.pdf455.58 kBAdobe PDFThumbnail
Ver/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.